Pão Doce com Canela e Frutos Secos

Pão Doce com Canela e Frutos Secos

Muitas das coisas que fazemos por hábito ou tradição, nem sabemos bem porque as fazemos.

Confesso que gosto de saber as lendas e histórias que dão origem às tradições.

E hoje chegamos aos folares da Páscoa.

As suas raízes são tão antigas, que não se sabe a sua origem.

Mas como todas as lendas, consta que Mariana tinha dois pretendentes um lindo e pobre e outro rico feio e velho.

Muito indecisa pediu a Santa Catarina para a ajudar e acabou por escolher Amaro o jovem pobre.

O pretendente rico não gostou e jurou vingança no dia do casamento.

Assustada Mariana voltou a pedir ajuda á Santa Catarina, colocando flores junto á sua imagem. No dia do casamento, Mariana encontra em cima da mesa um grande bolo com ovos cozidos rodeado com as mesmas flores que a Mariana tinha dado á Santa.

O pretendente rico também tinha recebido um presente igual e Mariana agradece á Santa Catarina a oferenda chamada folore, que depois evolui para folar e tornou-se numa tradição que celebra a reconciliação e a amizade.

Durante as festividades cristãs da Páscoa, os afilhados costumam levar, no Domingo de Ramos, um ramo de violetas às madrinhas de batismo e estas, no Domingo de Páscoa, oferecem aos afilhados, em retribuição um folar.

Hoje para fugir á tradição não trago uma receita de folar, de que não sou grande fã, mas sim de um pão doce com frutos secos.

Espero que gostem.

Pão doce com canela e frutos secos

50 gr de manteiga

½ chávena de açúcar

10 gr de sal

1 ovo

250 ml de leite morno

500 gr de farinha

Raspa de 1 laranja

25 gr de fermento fresco

Para o recheio

Frutos secos

Frutas cristalizadas

140 g de manteiga

125 gr de açúcar amarelo

1 c. sopa de canela

pão doce com canela e frutos secos foto.jpg

Preparação:

Dissolva o fermento com 150 ml de leite.

Numa taça coloque a farinha, o açúcar, o sal, o ovo, a manteiga e a raspa de laranja. Regue com o leite e o fermento.

Mexa bem. Adicione aos poucos o restante leite e amasse.

Faça uma bola, tape com um pano e deixe levedar uma hora e meia.

Estenda a massa polvilhada com farinha até ficar com um retângulo.

Amoleça a manteiga do recheio pincele a massa, polvilhe o açúcar e a canela.

Salpique com nozes picadas e frutas cristalizadas a gosto.

Enrole a massa como se fosse uma torta.

Corte em pedaços iguais (+/- 12).

Coloque-os num tabuleiro untado e deixe levedar mais 45 minutos.

Leve ao forno pré aquecido a 180º durante 30 minutos.

Bom Apetite.

 

 

 

 

Pastéis de Massa Tenra

Pastéis de Massa Tenra

Pão de Ló de Alfeizeirão

Pão de Ló de Alfeizeirão